Posts em Destaque

MOSQUITO DA DENGUE TAMBÉM ATACA EM NOITES QUENTES, CONCLUI PESQUISA

DESCOBERTA DA FIOCRUZ COMPROVA QUE VETOR DA DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA É RISCO PARA A POPULAÇÃO DURANTE O VERÃO CALORENTO Laboratório da Fiocruz: destaque em vários estudos sobre o Aedes - FOTOS DE Divulgação/Fiocruz Rio – Antes conhecido apenas por seus ataques diurnos, o Aedes aegypti — vetor da dengue, zika e chikungunya — também ataca à noite, se a temperatura ambiente estiver alta. A descoberta inédita é de pesquisadores do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), que concluíram uma pesquisa sobre o assunto. Pelo estudo, que durou nove anos e envolveu seis cientistas, comprovou-se que os mosquitos Aedes aegypti e Culex quinquefasciatus (o popular pernilongo ou muriçoca) apresentam reações

LOCAL ONDE TRÊS PESSOAS FORAM ENVENENADAS TEM FABRICAÇÃO DE QUEIJO E INFESTAÇÃO DE RATOS

POLÍCIA VAI OUVIR SUSPEITOS NA QUARTA-FEIRA, 23, NA DELEGACIA DE SANTA QUITÉRIA. UMA DAS PESSOAS ENVENENADAS Após envenenamento de três pessoas, a Polícia Civil descobriu nesta segunda-feira, 21, nos levantamentos iniciais, que o local da intoxicação, no município de Santa Quitéria, possui fabricação de queijo e infestação de ratos. O envenenamento das três pessoas aconteceu na última sexta-feira, 18, e resultou na morte de uma das vítimas. Elas teriam ingerido um pedaço de toucinho que continha veneno de rato. Conforme uma fonte da Polícia Civil, nesta quarta-feira, 23, suspeitos do envenenamento serão ouvidos na delegacia de Santa Quitéria. Nesta segunda, policiais realizaram levantamen

BRASIL REGISTRA 90 MIL ACIDENTES COM ESCORPIÕES E NÚMERO DEVE AUMENTAR

Devastação, e não o calor, é a responsável pela proliferação de duas espécies perigosas pelo país, que teve 99 mortes em 2018; Sudeste lidera em casos O Brasil teve 99 mortes e mais de 90 mil acidentes com escorpiões em 2018, segundo o Ministério da Saúde. Mais de 40 mil deles ocorreram no Sudeste. E esse número deve aumentar, de acordo com o biólogo Claudio Maurício Vieira, do Instituto Vital Brazil, órgão vinculado à Secretaria Estadual do Rio de Janeiro referência na área de soros antipeçonhentos. “Os acidentes com escorpião estão em franco crescimento, principalmente no interior de São Paulo, onde ocorre a maioria dos acidentes graves”, afirma. O crescimento do número de acidentes envolv

TEMPERATURA ALTA ATRAI ESCORPIÕES; POPULAÇÃO DEVE FICAR ALERTA

O período de verão é propício para o aparecimento de escorpiões e os cuidados devem ser tomados tanto dentro de casa como também na parte externa, como terrenos baldios, quintais, entre outros. Segundo o farmacêutico Luiz Carlos Costa, coordenador do Centro de Informação e Assistência Toxicológico (Ciatox) da Paraíba, os cuidados nessa época são importantes, pois o animal sai do seu habitat à procura de alimentos, que são baratas e outros insetos. De acordo com Luiz Carlos, o ambiente com barata é o preferido pelo animal peçonhento por ser o principal alimento dele no meio urbano. Os escorpiões se concentram principalmente em meio a entulhos de resto de construção, metralha, tijolo, garrafa.

RN TEVE 2,3 MIL PICADAS DE ESCORPIÕES

Acidentes mais comuns no Rio Grande do Norte são com o escorpião-amarelo. Dor é o principal sintoma O Rio Grande do Norte vai encerrar o ano com mais de 2,3 mil casos notificados de pessoas picadas por escorpiões. No Hospital Giselda Trigueiro, que é referência nesse tipo de atendimento na Região Metropolitana e concentra cerca de 80% dos casos identificados no estado, a média mensal é de 210 pacientes que buscam a unidade de saúde devido a acidentes com o aracnídeo. Agora, o atendimento está sendo descentralizado e unidades básicas de saúde nos bairros da capital potiguar já estão aptas a receber pacientes com os sintomas. Em Mossoró, o atendimento pode ser feito no Hospital Rafael Fernande

Posts Recentes
Arquivo
 
 
 
Procurar por tags
Siga-nos
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

‘‘Quem faz o melhor, faz a diferença.’’

Rodovia PE 53, S/N - Sítio Mojolo Km 25, Feira Nova-PE - CEP 55.715-000

TELS.: (81) 3117.1000 | (81) 3117.1014 - Email: chemone@chemone.com.br

VISITANTE Nº:

© 2020 - CHEMONE INDUSTRIAL QUIMICA DO NORDESTE EIRELI.

CNPJ 03.251.289/0001-00

POR:
ADMA_ÍCONE_GRAFITE.png